Fiquei desempregado, e agora?

Nesse artigo, você encontrará informações úteis para quem ficou desempregado e não sabe ao certo por onde começar para voltar ao mercado de trabalho.

Fiquei desempregado, e agora?

O desemprego é uma situação muito comum no mercado de trabalho, e o primeiro ponto que deve ficar claro é que demissão não é sinônimo de incompetência profissional, são infinitas as razões pelo qual um profissional é demitido e encarar uma demissão de forma negativa, afeta proporcionalmente o processo de Recolocação do profissional.

Paralelamente, existem algumas decisões que o profissional precisa tomar para que o seu processo de Recolocação Profissional seja o mais tranquilo e construtivo possível, pois caso contrário, o profissional passará por situações de pressão que irão se desdobrar em diversos dificultadores para uma Recolocação de sucesso, além de colocar o profissional em uma situação de pressão tamanha, que o mesmo optará por aceitar um desafio abaixo de sua potencialidade

Abaixo, enumeramos alguns temas que devem ser foco de reflexão de todo o profissional que está desempregado, sendo que, quanto mais cedo o profissional se dedicar a tomar as melhores decisões, menor prejuízo ele terá em sua vida financeira e em sua carreira.

Livre-se de arrependimentos e rancores

Recomendamos que todo profissional que tenha sido demitido, reveja suas ações e suas atitudes na última passagem profissional – com o objetivo de se desenvolver profissionalmente e redescobrir caminhos para o seu alvo/meta profissional.
Não é interessante cultivar rancor de ex-colegas de trabalho – superiores, pares e subordinados. O que aconteceu na última passagem profissional, deve ser utilizado como fonte de aprendizagem, o que ultrapassar isso, se tornará uma fonte de stress e deverá ser descartado.

Seguro Desemprego/ FGTS

Recomendamos que o profissional guarde e poupe os valores relativos ao seguro-desemprego. Muitos profissionais cometem erros como: quitar contas futuras, sendo que o ideal, em situações de desemprego, é procurar manter a liquidez do patrimônio ao máximo.

Gestão Financeira

Muitos profissionais e brasileiros não têm o costume de gerenciar suas vidas financeiras, porém com o desemprego, é recomendável que os hábitos financeiros mudem drásticamente. É importante buscar conhecimentos de gestão financeira e de investimentos, mas sem ficar dependente da opinião do Gerente do Banco ou do Gestor de Investimentos da corretora – o profissional deve buscar se desenvolver para ter um controle maior de seu patrimônio e poder investir seu dinheiro do FGTS ou seguro desemprego no ambiente mais seguro e rentável possível.Aqui, temos um curso gratuito e de boa qualidade para os profissionais que precisam de ajuda para organizar suas finanças – esse curso da BM&FBovespa já ajudou muitas pessoas e continua a ajudar.
Adicionalmente, recomendamos o download de uma planilha de Gestão Financeira, aqui .
Além de se engajar em cursos e controlar os gastos financeiros, recomendamos que os profissionais revejam os gastos programados futuros como: Viagens, Jantares frequentes, Cinemas semanais e Pacotes de Telefonia/TV e cortem o que for necessário. Cortar os gastos superfluos, é a garantia de que esse profissional que hoje está fora do mercado, não terá que cortar o essencial para sua qualidade de vida.

A importância do apoio de uma Consultoria de Recolocação Profissional

Contratar uma Consultoria de Recolocação Profissional é essencial para os profissionais que querem trilhar o chamado “caminho das pedras” da Recolocação. Passar por um período de desemprego, com o apoio de uma Consultoria é completamente diferente de estar desempregado por si só no mercado.O valor de uma Consultoria é intangível, pois trata-se da prestação de serviços de natureza de assessoria – e aproveitar a assessoria, depende muito da postura do profissional que a contrata. É importante que o profissional que contrata uma assessoria, entenda que não está comprando uma recolocação ou movimentação no mercado, nenhuma Consultoria que presta esse tipo de assessoria e que seja séria, irá garantir nenhum tipo de resultado dessa natureza.

A função da assessoria é capacitar, apoiar e aconselhar o profissional para que ele alcance melhores resultados em seus processos seletivos e em sua recolocação no mercado, adicionalmente, é importante citar que o trabalho no dia a dia do assessorado (indicado pela própria consultoria) é essencial para o sucesso de sua recolocação e que o profissional deve seguir as orientações da assessoria, caso contrário, estará sabotando sua própria recolocação.

Conheça a assessoria para recolocação da driverh

driverh é uma das melhores consultorias para recolocação profissional do Brasil. Conheça aqui a história de alguns dos profissionais que foram assessorados em suas Recolocações Profissionais pela driverh.

Converse conosco e tire suas dúvidas através de um call objetivo. Entre em contato conosco pelos nossos canais de atendimento: contato@driverh.com.br, (11) 3130 6975 ou (11) 9 5481 6647.


©2016 – Todo conteúdo produzido no site www.driverh.com é original e de autoria própria – Protegido pela Lei 9.610/98 dos Direitos Autorais na Internet.

Utilizamos cookies para proporcionar uma melhor experiência.